23 de mai de 2011

Suicida


em meu céu  pairam nuvens
de Chumbo
                de um coração que não aprendeu
a desAmar

com o  juízo
                  de um franco-atirador,
                                                 suicido meu olhar

precipito  Versos,
              norteio    pensamentos
esperando a hora certa
de Atirar



disparo tiro inDolor

Nenhum comentário:

Postar um comentário