21 de out de 2011

haicai do nome


teu coração, reflexo

do avesso que eu sou
nada alem de nada

(adancosta)

Nenhum comentário:

Postar um comentário