18 de jun de 2011

Haicai insone

devoro - te num
lascivo gozo febril
desperto sem ti

(adan costa)

Um comentário: